Enter your keyword

Blog da Milmar

Como assegurar os níveis de pH da piscina

Como assegurar os níveis de pH da piscina

Autor: 

-Meesho- (Abc da piscina)

Os níveis de pH de uma piscina são fundamentais para assegurar a sua limpeza e segurança, para além de contribuir para a eficácia do cloro. Existem vários fatores ambientais e de utilização que podem afetar o pH de uma piscina, por isso, saiba como assegurar o seu nível normal.

Kit de pH. Tenha sempre em casa um kit de verificação dos níveis de pH – os kits mais tradicionais são compostos por tiras de papel de Tornassol que, contendo uma tintura orgânica, esta muda de cor quando em contacto com a água, indicando qual o nível de pH da piscina. Existem já no mercado outros equipamentos para a medição do nível de pH da piscina, nomeadamente aparelhos eletrônicos próprios para o efeito.

Duas vezes por semana. Deve verificar o nível de pH da piscina pelo menos duas vezes por semana. Em épocas de maior utilização, pode aumentar o número dessas verificações de forma a assegurar um pH sempre estável e uma piscina sempre limpa.

Qual o nível de pH normal? Em termos químicos, é preferível que a água da piscina seja mais básica do que ácida e isso implica manter os níveis de pH acima de 7 e abaixo de 8. Embora os níveis de pH que se situam entre os 7.2 e os 7.6 sejam bons, o indicador ideal situa-se entre os 7.4 e 7.5.

Controlar e acertar. Controlar os níveis de pH é relativamente fácil e rapidamente se torna num hábito de manutenção da piscina. No entanto, tão importante como controlar os níveis de pH é acertá-los sempre que necessário e de forma imediata.

Baixar ou aumentar? Para assegurar o nível de pH normal, pode ser necessário baixar ou aumentar esse indicador. Os ácidos e as bases neutralizam-se mutuamente, por isso, se o nível de pH estiver elevado, necessita de um ácido para o baixar; se o nível de pH estiver baixo, necessita de uma base para o elevar.

Restaurar o nível de pH. Depois de saber se precisa de acrescentar um ácido ou um básico à água da piscina para restaurar o nível de pH, resta fazê-lo. Deve utilizar um pouco do respetivo químico de cada vez, até se habituar à quantidade que a sua piscina necessita para voltar ao pH normal.

Como fazê-lo? Antes de adicionar o químico necessário à piscina, ligue o sistema de filtro de forma a manter a água em circulação, evitando que o químico se concentre numa só zona da piscina. Calce umas luvas e coloque uns óculos de proteção. A melhor forma de adicionar o químico à água da piscina é fazê-lo na área de maior profundidade. Introduza o químico na água em quantidades pequenas, espere cerca de uma hora e volte a testar o nível de pH. Se tiver de acrescentar mais um pouco de químico faça-o, voltando a testar o nível de pH 60 minutos depois. Repita este processo até que o nível de pH volte ao normal. Com a prática, não terá de repetir este processo mais do que uma ou duas vezes.

 

WhatsApp chat